Total de visualizações de página

6 de agosto de 2011

Desavenças...

Faltando pouco tempo, para as próximas eleições,os politicos àvidos por reeleição,ou dispostos a emplacar seus amigos no cargo,definem estrategicas ás vezes nem tanto saudavel para as cidades, Estados, e até para o País. Já ocorreu,e ocorre em qualquer lugar,obras faraonicas,projetos mirabolantes,e promessas que nunca vão ser cumpridas.

Não é diferente em Alvinópolis.Emprestimos,deveriam ser votados,e utilizados em principio de Governo,para a realização de obras reclamadas pela população,e que muitas vezes foram até promessas de campanha.Obras em final de mandato,normalmente são eleitoreiras.Buscam apenas votos,e não possuem finalidade definida.

A Avenida Antonio Carlos,necessita de recapeamento asfaltico,há tempos.Se fosse feita em principio de mandato,daria tempo de fazer uma obra talvez com menos custos,e maior durabilidade.Em final de mandato,as obras são realizadas em curto espaço de tempo,custam mais caro,e muitas vezes são usados materiais de má qualidade.

Evidentemente,que a cidade necessita de obras,e também do emprestimo para a realização das mesmas.Mas os vereadores experientes,alguns ex prefeitos,já sabem de cor e saltiado os efeitos de obras eleitoreiras, e como, provavelmente, haverá vereador candidato a Prefeito nas próximas eleições, ninguém vai ajudar a atual administração a administrar a cidade por mais um mandato. Este projeto, rejeitado, é muito bom, para ensinar aos administradores públicos,que não existe ninguém bobo, nem vereadores.Às vezes alguém finge de bobo,mas é só fingimento....

Nenhum comentário:

Postar um comentário